Tratamento de hemorragias abundantes

A utilização de progestagénios associa-se a irregularidades menstruais (hemorragias de disrupção ou spotting). Estas alterações são transitórias e não necessitam de medidas complementares. Após a aplicação do Mirena®, é natural ocorrerem irregularidades menstruais nos primeiros 3 a 6 meses, que diminuem progressivamente. No fim do primeiro ano de utilização, as mulheres surgem com perdas menstruais de 1 a 2 dias e metade das mulheres pode ter ausência da menstruação; o aconselhamento prévio é fundamental. Se o Mirena® é retirado ao fim dos 5 anos e procede-se à colocação dum novo dispositivo, o padrão menstrual anterior deverá prevalecer, por exemplo, se houve redução do volume das perdas de sangue, a mesma deverá continuar.

A primeira colocação do Mirena® pode associar-se a aumento do volume das perdas hemáticas ou ao prolongamento das mesmas; não é possível estabelecer uma previsão pois existe uma grande variação da resposta de cada mulher. Pode haver necessidade de tratamento complementar nos raros casos de persistência das irregularidades da menstruação; não existem medidas padronizadas para o controlo das alterações da menstruação com o Mirena® mas pode-se optar pelas seguintes sugestões:

  • excluir presença de mioma, incorreta colocação do dispositivo (por ecografia ou histeroscopia)
  • combinar com a administração dum contracetivo hormonal oral/transdérmico de associação estroprogestativa, estradiol ou etinilestradiol durante 3 meses.
  • mifepristona (antagonista do recetor da progesterona) que bloqueia os recetores da progesterona e induz a formação dos recetores de estrogénios no endométrio.
  • Esta medida por ser acompanhada pela administração de etinilestradiol oral (20mcg) durante 2 a 5 dias de cada mês. Esta intervenção produz proliferação regular do endométrio; doxiciclina 100mg 3 vezes ao dia durante 5 dias de cada mês; este antibiótico atua nas metaloproteínas da matriz do endométrio, que são importantes da modulação da espessura do endométrio.
  • A utilização prolongada de progestagénios interfere com o metabolismo da metaproteínas; anti-inflamatórios não esteroides
  • ácido tranexâmico

Mais informações sobre as irregularidades menstruais causadas pelos progestagénios pode ser consultada em:

– Blutungsstörungen unter reiner Gestagen-Langzeitkontrazeption mit subdermalen Implantaten Teil 2: Management von Zusatzblutungen unter subdermalen Implantaten, Der Frauenarzt, 2011, Hans-Joachim Ahrendt, Christian Egarter

– M. Ludwig: Hormonelle Kontrazeption – ein Handbuch für die Praxis, 2009

Bleeding pattern changes with progestogen-only long-acting reversible contraceptives, Sexual Health & Family Planning Australia

Treatment of vaginal bleeding irregularities induced by progestin only contraceptives. Abdel-Aleem H, d’Arcangues C, Vogelsong KM, Gülmezoglu AM. Cochrane Database Syst Rev. 2007 Oct 17;(4):CD003449.